Com a retomada da Economia haverá um crescimento do consumo, isso é um fato, inclusive que será impulsionado pela liberação do FGTS inativo.

Consumir é um fator ligado a genética e muitos poderão cavar um buraco que poderá não sair.  Está sendo divulgado a melhora da economia e isso é muito positivo pois os empregos, a produção, os investimentos irão movimentar todos os setores, alguns primeiros e outros depois, porém há uma ligação entre todos os segmentos, então o pior já passou.

Será?

A questão independe da melhora, depende do comportamento padrão da sociedade. O consumismo está ligado à genética, pois faz parte de um processo sináptico de recompensa, ou seja, você compra porque está buscando sentir prazer.

Imagine como será o comportamento das pessoas assim que elas retomarem sua condição anterior ao momento da crise, por exemplo, assim que recebem seu primeiro novo salário, provavelmente irão comemorar, um jantar, um churrasco para celebrar… isso é muito bom, e é bom celebrar, porém perceber que esse deve ser um momento único e retomar o controle da situação é importante pois o que pode acontecer é iniciar um efeito em cadeia devido aos hábitos enraizados.

Quero dizer aqui é que há uma necessidade de prudência importante a ser considerada, porém nossa mente racional, ou seja, a nossa lógica, é responsável apenas por 5% das decisões e 95% estão ligados ao nosso sistema emocional e dentro desse sistema se encontram nossos hábitos.

Um exemplo disso, que pode parecer simples porem podemos acompanhar é o fato de celebrar o Carnaval ou não considerando todo o momento que o País vive, inclusive a sociedade, política, etc… Podemos perceber de certa forma ao hábito que está enraizado.

A minha intenção aqui é unicamente permitir que todos nós, quando sair desse momento que o País está passando é observar de forma prudente o que fazer. Talvez seja interessante adotar algumas ações hoje para que possamos lembrar amanhã, então vão algumas sugestões:

  1. Escreva suas metas de forma clara
  2. Construa um mural com o resultado futuro que você quer atingir e deixe-o acessível para visualizá-lo
  3. Deixe registrado pelo menos 5 ações que você teve nos tempos de vacas magras e que lhe permitiram ter grandes resultados
  4. Se comprometa com os 3 anteriores redigindo um contrato de compromisso, assinando e pedindo para que duas pessoas que você conhece e respeita possam assinar como testemunhas.

Fique atento!

Espero ter contribuído e se quiser saber mais, pode me procurar, será um prazer conhece-lo e bater um papo.

Abraços e aguardo seu contato.

Você gostou desse texto? Deixe aqui seu comentário e compartilhe esse artigo.

Anúncios