Deixando o passado para viver o presente e projetar o futuro – Dt 34:5-12

Este texto que Lemos relata o fim de uma história, uma história que levou 120 anos.

Moisés, um homem que viveu 3 fases diferentes na sua vida.

Nos primeiros 40 anos, viveu no Egito, seu nascimento e sua conservação de forma milagrosa, depois de ser colocado em um cesto nas águas do Nilo, foi adotado pela filha de Faraó.

Depois saiu do Egito e ficou por 40 anos vivendo no deserto, apascentando o rebanho de seu sogro Jetro quando Deus o chama (Ex. 3).

Agora em seu ultimo período, através da vida de Moisés, Deus liberta um povo que se tornaria a nação de Israel futuramente. Com mão pesada, com grandes milagres realizados através de Moisés.

Um líder como nenhum outro, com um relacionamento face a face com o próprio Deus.

Alguém que quando a congregação se reunia olhava aquele homem entrando no tabernáculo e diz a Palavra de Deus que Deus descia e falava com ele face a face e tamanha era a presença e vida com Deus que em determinado momento o rosto de Moisés resplandeceu e se fez necessário colocar um véu sobre seu rosto (Ex.34).

Um líder que quando questionado sua liderança o próprio Deus confirma sua liderança.

Uma história chegava ao seu fim, um passado de vitorias, de guerras vencidas, de intervenções divinas de forma sobrenatural. Um grande líder que até os dias de hoje tem seu reconhecimento no meio da nação de Israel e suas memórias registradas na Palavra de Deus.

Mas chegou o fim desse grande líder, Deus o toma para si e o sepulta em um vale onde ninguém sabe onde foi exatamente, um líder que não poderá ser visitado pelos seus contemporâneos após a sua morte e nem hoje em dia, pelos israelitas ou qualquer um.

Mas porque isso aconteceu? Porque esse homem tão memorável não teve seu enterro como um líder de guerra, onde nações e chefes de Estado não poderiam vir visita-lo para prestar honra homenagem?

1- Deus estava dando a chance ao seu povo de prosseguir para a Sua promessa (Dt 34:4) Quantas vezes eu e você não vivemos momentos memoráveis, nos relacionamentos, no trabalho, temos e vivemos momentos que gostaríamos que ficasse permanente em nossas vidas, porém esses momentos acabaram e parece que foram sepultados contra a nossa vontade, queríamos continuar vivendo esses momentos, mas parece que Deus não deixou isso acontecer, e até pode ter passado em nossa cabeça algo como: porque Deus permitiu isso?

Então eu entendo lendo esse texto havia uma promessa de Deus, e Deus não se esquece.

Havia uma terra a ser conquistada que já tinha um novo dono, porém precisava ser conquistada.

2- Deus havia levantado um novo líder, não como Moisés, porém alguém cheio da certeza de que Deus continuaria seu propósito. (Dt 34:8-9) Imagine o que não aconteceria se o lugar de sepultamento fosse conhecido? Talvez o povo não saísse de perto de onde o corpo estivesse, ou voltariam todas as vezes que se vissem em dificuldades. O lugar da promessa não era o lugar onde eles estavam não estava no lugar do seu passado, mas estava no lugar do futuro.

Ficamos presos às promessas do passado, sem seguir para o futuro.

Ficamos com nossas memórias adormecidas com as coisas que aconteceram, e Deus quer que sigamos adiante.

Josué foi preparado, Moisés lhes impôs as mãos fazendo a transferência de autoridade (v.9-10).

3- Deus fez Moisés ver aquilo que no seu coração já era dele pra fé. (Dt. 34:4) A fé de Moisés o fez ir até onde estava às margens do Jordão onde depois só era preciso atravessar e iniciar a conquista da Promessa.

Moisés teve uma visão privilegiada, Deus como um “guia turístico” lhe mostra toda a terra prometida, algo maravilhoso. Quero acreditar que houve um dialogo durante essa visão, algo como, esta vendo meu filho Moisés, olha tudo isso, lá será a habitação de Judá, ali estará à cidade onde estabelecerei meu trono,…

Porém uma nova era começava. Josué, um líder que não falava face a face como Moisés, porém tinha características inigualáveis Um excelente general, alguém com espírito de sabedoria, disposto a fazer a vontade de Deus.

Sem medos, chamados não olhar o passado para viver o presente e projetar o futuro glorioso de uma nação que iniciava agora sua jornada para a promessa.

Quer seguir para as promessas de Deus, então:

1- esteja disposto a realizar aquilo que em primeiro lugar Deus espera.

No inicio do livro que leva o nome desse general a primeira coisa que Josué faz é desenvolver um relacionamento com Deus para entender o que Deus espera. (Js. 1:5-9) O passado nos prende, porém Deus nos dá oportunidades de desenvolver experiências com Ele para viver suas promessas.

2- esteja pronto para sair do lugar de seu passado, e prosseguir no seu presente para o futuro que Deus tem pra você.

Js. 3:5 – santificai-vos porque amanha o Senhor fará maravilhas no meio de vós Josué sabia que deveria prosseguir, e Deus lhe abençoa dizendo isso (Js.3:7) então deixe esse passado e prossiga!

E por fim:

3- Não se preocupe se no passado algo tão grande aconteceu, Deus é poderoso para realizar coisas maiores. Dt. 34:10 Não se levantou em Israel profeta como Moisés, porém Deus fez para Josué e aqueles que o seguiram viver coisas maravilhosas.

Deus quer que deixemos o passado, vivemos o presente já não olhando para o passado, mas para projetar o futuro e viver o melhor de Deus.

Nem olhos viram, nem ouvidos ouviram o que Deus preparou para aqueles que o amam.

Não sei como foi seu passado, mas sei como pode ser o seu presente e futuro. Com Deus somos mais que vencedores, pois agora somos herdeiros da Promessa.

Deixe o passado e deixe Deus escrever com você uma nova história.

Deus abençoe sua vida, é o meu desejo para você em nome de Jesus.

Felipe Hodar

Anúncios